31 agosto 2011

Verdadeira Amiga



A Helga disse "oi todo mundo!" na noite do sábado, dia 20 de Agosto.

Caia uma verdadeira tempestade, e quando minha mãe viu a labradora andando na chuva, perto de casa, foi instinto: abrirmos a porta da garagem e ela veio para dentro. Não parecia um cão de rua, as tetinhas cheias de leite e inchadas. Primeiro, pensamos que tivesse fugido para procurar seus filhotes, que talvez tivessem sido levados. Depois, não pensamos mais nada e só ficamos agradando ela.

Fui eu que decidi chamar ela de Helga; minhas unhas estavam amarelas da primeira vez que fiz carinho nela. O contraste da pelagem preta com o amarelo fez dela um brasão de Lufa-Lufa. Mais tarde, descobrimos que ela realmente é leal, paciente, sincera, sem medo da dor, meiga.

Apesar de procurarmos por cartazes ou avisos de labradora perdida, e de termos colocados anúncio na internet de que ela tinha sido encontrada, ninguém apareceu procurando. Mais do que isso, começou a crescer dentro de mim uma certeza incômoda de que a história dela não era tão simples assim.

Quando levamos ao veterinário, ele confirmou minhas suspeitas e medos: Helga foi mantida, provavelmente todos seus oito anos de vida, como cadela "matriz" em um canil. Ou seja: era mantida apenas para produzir crias, uma atrás da outra, sem descanso. Explorada fisicamente e sexualmente para que seres sem nenhum amor lucrassem com ela. Como ficou mais velha, abandonaram-a. E foi ai que ela cruzou nosso caminho.

Os detalhes da última uma semana e meia ficam embaçados para mim. Os meus cães não aceitaram ela muito bem, especialmente porque a Nala foi atacada por um labrador quando filhote e tem um certo receio. Passearam juntos em "território neutro", ou seja, o parque. Nunca vou esquecer daquele rabão feliz abanando ao desbravar as folhas verdes e passeando conosco.

Hoje ela foi para um novo lar; uma amiga da minha mãe, que com certeza dará para a Helga um lar com espaço, carinho, atenção e com todo o amor que ela merece. Não faz nem meia hora que acabei de abraçar ela, no porta-malas todo forrado com seus cobertores. Entrando dentro de casa, chorei muito.

Talvez ela poderia ter ficado conosco; mas não teriamos condição de dar o espaço necessário para ela, além de prejudicar os outros animais de casa que não se acostumaram. O fato é que nem coloquei qualquer anúncio de adoção porque sabia, no meu coração, que ela estava destinada à alguém por perto. Sei que ela será feliz, e isso é o que mais importa.

Em menos de duas semanas, me apaixonei perdidamente por uma nova amiga. Amigo, que é ser que não se escolhe pela cara nem por voz, mas pelo coração. Sei que ela será imensuradamente feliz e muito amada por pessoas boas, que precisavam dela em suas vidas tanto quanto a Helga precisava delas. Fomos lar de passagem, mas as lições são eternas.

Seja muito feliz em seu novo lar, minha amiga querida.




Comente com o Facebook:

46 comentários

  1. Que linda a Helga e que bom que ela encontrou uma família e uma amiga como você.

    ResponderExcluir
  2. Essa teve um final feliz,pq cruzou com alguém de coração bom, mas quantas que não tem, como me dói isso çç

    ResponderExcluir
  3. Sempre me emociono com histórias assim. Que bom que a Helga agora tem um lar onde ela será tratada com amor, carinho e, principalmente, respeito. Você escreve muito bem Mari, há sempre muito sentimento nas suas palavras. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  4. Poxa, q atitude linda a de vcs. Salvar e dar carinho a um cão eh maravilhoso! To ate chorando em ler sua postagem. Amo cachorros, adoro os animais, odeio os rodeios de peoes... ja deixei de comer carne de mamiferos. Parabens por sua atitude Mari, parabens. Bjo gd. Gisele! Obs.: seja feliz e aproveite muito sua nova vida linda Helga!

    ResponderExcluir
  5. Own que amoorr!! Simplesmente amo animais, principalmente cachorros e fico indignada com a brutalidade e a falta de amor que certas pessoas tem, pois são capazes de maltratar animais tão doceis e indefesos que só tem a sua amizade e lealdade a nos oferecer! Me emocionei com seu post, pois ha um ano atras encontrei uma paulistinha abandonada na rua e prestes a ser atropelada, não pensei 2 vezes e a levei para minha casa, o carinho que ela tinha comigo e a alegria dela era incrivel, como se tivesse nos agradecendo, infelizmente não pude ficar com ela, mas achamos um lar e pessoas que a tratam como ela merece! Sinto muita falta dela, e ate hoje vou visita-la sempre que posso e ela vem correndo pra subir no meu colo e me lamber haha.. ela ja foi mamãe e os donos ficaram com uma filhotinha, que é um amor tb... Me lembrei dela neste post...
    Não há alegria maior que ver a felicidade desses bichinhos!

    Bjss

    ResponderExcluir
  6. Mari, que história linda e triste ao mesmo tempo. Me emocionei demais. Não consigo entender a maldade nas pessoas com um ser tão indefeso, meu Deus, me dá vontade de fazer justiça com as próprias mãos.
    Graças a Deus ela passou em frente a sua casa, que pôde dar um lar temporário e arranjar um lar eterno que dará o amor e carinho que certeza que ela nunca teve.
    Deus abençôe sempre você e sua família.

    ResponderExcluir
  7. Poxa fico triste como o ser humano eh capaz de ser tão banal p causa de dinheiro...usar uma linda cafelo há dessa..e fazer a bichinha sofrer p ter lucros..Mas graças a Deus colocou ela no caminho de uma certa anjinha rss...Que ela seja mto feliz no novo lar e q possa ter td carinho,atenção e amor q nw teve ...Parabéns pla atitude Anjinha Mari

    ResponderExcluir
  8. Feliz que você encontrou um lar pra ela!
    Fico tão triste de ver animais abandonados na rua,
    Tenho três cachorrinhas, uma tem 13 anos já, e uma gatinha, e todos eles foram encontrados na rua, porque foram abandonados por pessoas sem coração. Mais eu as amo muito.
    Beijo Mari.

    ResponderExcluir
  9. Q Fofa!
    Me lembrou da labradora da minha prima q morreu esse ano, ela tambem sofreu mal tratos e era uma cadela "matriz". Quando minha prima mudou para apartamento ela veio aki para minha casa e era tão fofinha.
    Agora Helga ganhou um lar e uma grande amiga.
    Bj

    ResponderExcluir
  10. Nossa, Mari, eu chorei... Que bom que Helga teve um final feliz. Bjs.

    ResponderExcluir
  11. Mari,

    Fiquei toda arrepiada ao conhecer essa história. Sou apaixonada por esses anjos de quatro patas e fico realmente triste ao me deparar com essas explorações. Tenho uma filha peluda que é a razão da minha vida e o cuidado deles para mim é uma causa tão importante quanto a das crianças. Sigo (pelo facebook) e ajudo as ongs "Clube dos Vira-latas" (tem alguns vídeos no YT também) e "Ocisp - Ajuda Animal", ambas possuem um trabalho maravilhoso que sempre me levam às lágrimas.
    Por fim, quero desejar muitas felicidades para a Helga e para a nova família dela.

    ResponderExcluir
  12. Oi Mari, tudo bem?

    Sei como vc se sente em ter que "abrir mão" dessa linda, passei por isso a algum tempo atrás qdo resgatei uma cachorrinha abandonada em minha faculdade. Linda d+, mto carinhosa, mas tem ódio mortal por gatos e eu tenho um aqui. Foi uma decisão mto difícil, mas assim como vc sabia que ela teria que ir para alguém de perto e então meu padrinho a adotou e a vejo sempre.

    O mesmo vai ocorrer com vc! Vá sempre ver essa linda ai e eu aposto tudo que ela mostrará uma alegria imensa em te ver. Pro resto da vida ela saberá que foi vc quem a salvou e ficará extremamente contente em te ver. Eles jamais esquecem quem os tira do sofrimento e de um caminho sem rumo e cheio de incertezas.

    Acalme seu coração... sei que a dor parece que vai sufocar, mas acredite, esse amor seu por ela e o dela por vc é uma ligação mto forte e verdadeira que jamais vai ser apagado. Vc é a salvadora dela e ela sabe disso. Ambas tiveram mta sorte de seus caminhos se cruzarem.

    Vá visitá-la e vc verá a graditão e o amor que ela te mostrará, aí vc vai perceber que vc tocou uma vida pra sempre.

    Espero mto que vcs duas sejam mto felizes e acredite, a dor passa e é substituída pela alegria de ver ela bem.

    Fica bem, se precisa conversar estarei aqui!

    Bjao pra vc e dá um tbm nessa coisa mais fofa do mundooo por mim (com direito a uma apertadinha nesse focinho lindo dela!)

    Adoro vc!

    Rê.

    ResponderExcluir
  13. Awwww... Que linda história!! Obrigada por compartilhar conosco, tomara que ela seja super feliz! Parabéns pela atitude! ;)

    ResponderExcluir
  14. Nossa quase chorei! Que linda a Helga...=))

    ResponderExcluir
  15. Mari, o mais importante deste nosso momento é nos reconhecermos como seres capazes de amar e de compartilhar! Obrigada por ser tão linda! Um beijo,

    Lucy

    ResponderExcluir
  16. Chorei lendo esse post.
    Pelo menos daqui pra frente ela vai poder receber o carinho e o cuidado que todos os bichinhos merecem e deveriam ter. =')

    ResponderExcluir
  17. Vocês tomaram a decisão certa. Aliás, 2 vezes. Primeiro por não fecharem a porta na cara de Helga e segundo por não terem desconsiderado os sentimentos dos mais antigos. Manter Helga na sua casa poderia ter causado depressão, agressividade, automutilação e outros problemas de comportamento nos demais. Palavra de quem já passou por isso.
    Deixá-la na rua seria falta de compaixão. E isso não combina com a menina meiga e gentil q vc é.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. É mto difícil mesmo não se emocionar com este post.Eu amo cachorro, meus três são vira-latas adotados de rua.
    Odeio gente q. pega cães só p/ reprodução, p/ alugar como guardiões ou te-los apenas como guardiões,pessoas q. maltratam...enfim isto mexe mto com meu psicológico,não gosto de ver estas coisas pois demoro p/ melhorar,choro por dias...mas q. bom que existe pessoas no mundo como vc,tua mãe,amiga dela,eu e mtas outras q. ajudam temporariamente ou até pra sempre este pqninos tão indefesos.É lindo lembrar tb q. existem pessoas tão especiais como Dona Ilair, lembram?!!! De S.J. do Vale do Rio Preto,q. no meio da enchente,correndo perigo ainda tentou salvar seu grande amigo Bethoven,graças à Deus Luciano Hulk pôde ajuda-la dando a ela um novo lar...e mesmo assim ela ainda lembra de teu amigo e gostaria de q. ele estivesse naquele novo lar...Pessoas assim merecem td de melhor no mundo!!!.
    "RESPEITAR OS ANIMAIS É DEVER DE TODOS; AMA-LOS PRIVILÉGIO DE POUCOS" (não sei de quem é a frase)
    Deus abençoe ricamente a vida de cada um que respeita e faz o possível p/ ajudar os animais abandonados, mal tratados...
    Se tiver um tempo, passa no meu blog p/ conhecer meus AUmores,filhos de pêlos e patas;tb na lista dos meus blogs favoritos, conheça o blog "Adote um focinho", uma mulher mto fofa ("Tiane"/Luciane) recolhe animais,tem um lar provisório...é mto lindo...vale a pena conhecer e quem puder ajudar entre em contato com ela.
    Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  19. Nossa Mari...chorei lendo isso!!Sei bem como é esse sentimento.Vc é muito, muito especial!

    ResponderExcluir
  20. Não sei ainda se estou chorando pelo seu post emocionado ou se em pensar na maldade que faziam com ela.
    Graças a Deus ela encontrou vocês e pôde ganhar uma nova chance! Quem me dera poder fazer isso com todos os cachorrinhos que sofrem.. (e agora sei que é de pensar nisso que estou chorando.. :\)
    Enfim, que ela seja muito feliz, que possa conhecer e se acostumar com o amor, o carinho e a lealdade que até pouco a haviam privado de ter.
    Mari, você é uma fofa. Que o seu exemplo se multiplique!
    Beeijo

    Vanessa Penha

    ResponderExcluir
  21. Animais são anjos disfarçados! Me emocionei tanto lendo a história da Helga... que bom que ela encontrou um novo lar... Agora ela terá amor e carinho.
    Que Deus abençoe a sua vida e a vida de quem a acolheu.

    ResponderExcluir
  22. Nossa Mari... que linda história... quase chorei quando vc disse que ela era cadela "Matriz"...só uma pessoa sem coração faz isso com os animais.
    Ainda bem que ela cruzou a sua vida e agora ela vai ter um lar feliz =D Caso contrário ela estaria perdida da rua! Vocês fizeram a coisa mais do que certa quando mandaram ela para a casa da amiga da sua mãe... afinal vc fez pensando no bem dela.
    Sua históra me inspirou a pensar mais em querer satisfazer os nossos animais ao invés de ignorá-los..e tambem me inspirou a fazer uma make preta com o amarelo.. homenagem =/

    BJs

    ResponderExcluir
  23. Aii choreiii!! rsrs

    Que linda a Helga mais lindo ainda o seu amor por ela! Amo cachorros e sinto muita dó quando vejo uma injustiça feita a eles.
    Helga não pode ficar com vc, mas com certeza sua família foi um anjo na vida dela, não sabemos oq poderia ter acontecido se ele continuasse na rua. Que bom que ela encontrou um lar!
    Já gostava de vc por conta dos videos, agora te admiro pelo seu coração :D
    Fica com Deus!!! :D Bjos Hellen

    ResponderExcluir
  24. Oi Mari, entendo perfeitamente sua dor de ter que deixa-la ir, mesmo sabendo que ela terá um lugar feliz pra viver.
    Eu tinha duas cachorras da raça Rottweiler, (odeio quem discrimina eles por ter fama de cães ruins.)quando elas chegaram em minha casa ainda bebes confesso que não gostei muito da ideia, achei que iriam dar muito trabalho, mas com o tempo criei uma amor intenso pelas duas, eram as cachorras mais amorosas que conheci.
    Infelizmente depois de quase quatro anos vivendo com elas tive que me mudar para um apartamento, então como deve estar imaginado não pude leva-las comigo, mesmo se o apartamento permitisse cães seria muita maldade ter duas cachorras tão grandes como elas presas num apartamento pequeno, então tive que doa-las.
    Mesmo sabendo que estariam em boas mãos e que teriam uma vida boa (foram morar numa chácara.) não pude me conter no dia em que disse adeus a elas e chorei como uma garotinha pequena de uma forma que nunca havia chorado por um animal antes.
    Senti uma dor tão forte no peito, aquela sensação de nó na garganta que não passa, mas estou feliz por elas estarem bem.
    deixar um amigo ir é sempre difícil.

    ResponderExcluir
  25. Muito comovente essa história, Mari. A Helga é uma cachorrinha muito bonita mesmo e foi lindo da sua parte salvá-la e achar um lar mais adequado para ela.
    Um absurdo o que esse canil fez com ela...=/ Muito triste mesmo.

    ResponderExcluir
  26. Só pessoas grandes escrevem textos grandes... =)

    ResponderExcluir
  27. aiaiaia menina má!!! descreve cenas numa profundidade só aiai to chorando e muito rs ais mary vc tocou meu coraçao com estas palavras q acabei de ler ufa que final feliz nossa ja pensou em ser escritora de algo? pq vc tem tudo para ser +uma coisa bem feita adorei a profundidade das palavras me senti ali vendo tudo q aconteceu ate vi a Nala sentindo akele ciumes rs pagaria p ver vc mary toda delicadinha passiando com uma labradora enorme com uma gia te puxando pelas ruas seria oh caus rs parabens flor pela sua dedicação e sua fé tenho certeza que deus faz tudo bem feito e ele pos ela na sua frente pq vc tem a capacidade de transpor barreiras e fazer com que algo mude tanto na vida da Helga quanto da nossa trazendo akele afeto q só vc sabe dar entao parabens que deus te proteja e te guarde ilumine amem!

    ResponderExcluir
  28. é esse tipo de coisa que me faz sentir vergonha da raça a qual pertenço! que a Helga seja muito amada!!

    ResponderExcluir
  29. Muito bonita a história de vocês apesar de breve... Com certeza a Helga lhe é muito grata... Não há amor mais lindo e puro como o dos animais! Me senti feliz por ler esse texto e saber que ela está bem e feliz... beijinho =)

    ResponderExcluir
  30. Mari você me fez chorar! eu espero que a helga seja muito feliz.

    ResponderExcluir
  31. Mari...pode ter certeza que não foi vc que a encontrou...mas foi ela que encontrou vc...os animais tem a percepção para encontrar pessoas boas e especiais...VC É ESPECIAL...e cumpriu com maestria a missão que Deus colocou em seu caminho...obrigada em nome dos animais e em nome daqueles que amam e protegem os animais...me sinto honrada em acompanhar seus trabalhos...um grande beijo

    ResponderExcluir
  32. Chorei horrores aki lendo este post.

    ResponderExcluir
  33. Uau! Deixa eu me restabelecer aqui pq estou com os olhos cheios d'agua.
    Mari, mesmo eu nao te conhecendo de verdade eu sempre soube o quao maravilhosa vc eh. Isso so prova o que eu ja sabia. Com certeza vcs estavam destinados a encontrar essa cadelinha linda! Graças a Deus existem no mundo pessoas como vc e as pessoas da sua familia.
    Parabens pelo exemplo que vc eh! Parabens por ser vc! E eu falo isso nao so por conta deste acontecido, mas por tudo que eu vejo vc fazer (sua preocupaçao em usar produtos cruelty-free, a sua preocupaçao com o meio ambiente..)
    TE AMOOOO!
    Continue sempre assim! Vc eh um ser humano lindo ;D

    ResponderExcluir
  34. Ai que lindo, Mari!!! Se todos fossem assim como vc e sua família...
    Sabe, meu Soneca tbm era de rua. Apareceu em São Bernardo, em frente da casa de minha tia. Apesar dele ser mansinho e darem atenção pra ele, ninguém queria lhe dar um lar. Minha tia não tinha condições porque ela já tem os bichinhos dela. Foi então que ela comentou com minha mãe. Fazia 1 ano que minha cachorrinha tinha morrido. Foi amor à primeira vista. Minha tia o trouxe pra casa e estamos juntos até hj. Isso ja faz quase 12 anos. Há uns dois anos ele ficou muito doente e praticamente foi desenganado. Mas não medimos esforços e com todo amor e tratamento, meu Soneca se curou. E continua firme e forte. É o amor da minha vida. :)

    Beijinhos!!
    Leca

    ResponderExcluir
  35. Linda e emocionante história Mari!

    que bom que a Helga encontrou no meio daquela chuva alguém de bom coração como vocês!
    Ela merece, agora mais velhinha de todo amor e dedicação que deveria ter tido durante toda a sua vida. Ela é linda!
    Adorei a primeira foto que vc colocou de vcs duas. Parecem amigas de longa data...

    Não fique triste. Vá visitar a Helga e vc verá todo o amor que ela irá retribuir por ter salvo a vida dela... Ela jamais se esquecerá disso!

    Parabéns novamente pela atitude! Entendo a sua dor de deixá-la ir. Aconteceu isso cmg e com o Beethoven. Eu o adotei temporariamente e quando ele foi embora, foi muito, muito triste. Mas por outro lado, fiquei feliz por saber que ele seria amado e bem cuidado.

    Espero que agora a vida da Helga seja cheio de alegrias, amor e saúde.
    Ela será uma amiga eterna!

    Bjos!

    ResponderExcluir
  36. São em momentos como esse que me envergonho de minha raça, me envergonho de fazer parte de um clã de seres desavergonhados que fazem de outros seres suas promessas de benfeitorias. Agradeço a Deus por pessoas como vc minha linda que ainda se comovem e se atentam à alegria e felicidade de serem que são postados como inferiores.... quando na verdade são de carater inquestionavel. Obrigada por sua existencia e que Deus abençoe seus dias.
    Felicidades
    Saiba que já te considero amiga sem nem te conhecer, já lhe amo a distância sem mesmo que uma gota de sangue nos una.
    Obrigada

    ResponderExcluir
  37. Voce tem um coração lindo Mariana, Parabens. Que Deus lhe abençoe, e que te conserve sempre assim. Fico muito feliz em saber que os momentos ruins da Helga acabaram. É triste ver como algumas pessoas não tem um pingo de respeito por seres tão maravilhosos, e como você disse, tão amigos, e amaveis como a Helga e muitos outros. Felicidades pra ela no novo lar. Eu tenho certeza que gora ela vai ficar bem. :) Nos mantenha imformados sobre ela, ok?

    Beijos.
    - Paula M.

    ResponderExcluir
  38. Meu Deus que absurdo, ainda bem que ela encontrou alguém de bom coração e agora vai ser amada e tratada com dignidade...
    Você é uma menina linda Mari por dentro e por fora.
    Beijooooos te adorooo

    ResponderExcluir
  39. hunmmmm que lindaa historia de amor Vixxenn
    Vocee � uma grande pessoal !!!
    de pessoas como voce o mundoo prescisa parabens minha querida !!!!
    Como pode ter pessoas ruins no mundo que faz mal para um animalzinhooo!! � muita maldade!!!
    bjinhoss

    ResponderExcluir
  40. Que linda a Helga!!!Torço para que ela seja muito feliz no novo lar!
    Não consigo entender e muito menos aceitar que haja crueldade com animais... sempre fico muito abalada com histórias como essa...
    Se dependesse de mim, minha casa viraria um zoológico (rs), mas meus dois gatos tbm não se adaptam mto bem à animais desconhecidos, então sempre que encontro um gatinho ou um cachorro perdido na rua procuro ajudar e encontrar uma família para ele. E isso é muito gratificante! Você é mesmo uma pessoa admirável!
    Beijos

    ResponderExcluir
  41. Nossa,que história triste, pelo menos uma sorte ela teve na vida que foi cruzar o caminho de pessoas boas como vc e a sua família (minha condição para que uma pessoa seja considerada boa: amar os animais). Fico muito feliz que ela tenha conseguido um lar com alguém que vcai dar carinho e o espaço que ela precisa.
    Meu namorado tem uma labradora preta também. Ela é a coisa mais carinhosa, meiga, fofa e ciumenta que pode existir =D Não consigo compreender como alguém no mundo conseguiria não amar alguém assim, que se doa tanto e é tão amigável quanto um labrador.

    ResponderExcluir
  42. Devo dizer que só não chorei porque percebi o que estava por vir e me contive ao máximo na frente do computador.
    Fico muito triste de saber que essas coisas acontecem, eu sempre soube dos muitos maltratos sofridos por animais, mas nunca imaginei que fizessem isso que foi feito com a Helga :/
    Deixando a parte triste de lado, queria parabenizar você e sua mãe pelo enorme coração que têm e pelo que fizeram por ela. O mundo precisa de mais pessoas assim.
    Sempre que vejo um animalzinho na rua tenho vontade de levá-lo para casa, cuidar e arrumar um dono. Infelizmente isso não é uma tarefa simples e eu sei muito bem disso pois tenho uma prima que pega todos os animais que encontra para cuidar e depois doa eles para famílias boazinhas. Um dos meus sonhos é ter um espaço para fazer isso oficialmente e recolher e cuidar de todos os animais abandonados que passarem pelo meu caminho.
    Queria aproveitar o assunto para fazer uma sugestão: eu ainda não li todos os posts anteriores a este (porque eu estou voltando do mais recente até o primeiro) e não sei se você acha que cabe isso aqui no blog ou se você estaria disposta, mas sabendo que você tem alguns animais em casa e que se preocupa e cuida muito bem deles, acho que seria válido um post sobre cuidados básicos com animais em casa, o que acha?
    Beijos

    sugestao de post sobre cuidados com animais e com a casa com animais

    ResponderExcluir
  43. Mari,

    Com certeza vc tem talento pra jornalismo, eu to chorando feito boba, vc e as palavras... casamento perfeito! e qto a Helga... sorte a dela te encontrar, bjos

    ResponderExcluir
  44. Ain chorando aqui Mari,que história hein!?
    Essa cadelinha é de muita sorte mesmo,poder ter encontrado um lar assim do nada isso é coisa de Deus!
    FELIZ 2013.
    Beijão.

    ResponderExcluir

Copyright © 2014 - marianasantarem.com.br - Todos os direitos reservados. LAYOUT E ILUSTRAÇÃO POR KÊNIA LOPES. PROGRAMAÇÃO POR SUGAR DANCE.